quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

POETRIX - Espírito de Natal



Espírito de Natal

Sinos comoventes tocam,
Joelhos se dobram,
Aos Milagres de Natal.

Autor: Jorge Jacinto





DESEJO A TODOS MEUS LEITORES UM MARAVILHOSO NATAL. QUE ESTE ESPÍRITO SE REFLITA EM TODOS SEUS DIAS!...

Abraços,
Jorge Jacinto.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

POETRIX - Falsa Procura



Falsa Procura

Procurei fuga da solidão.
Ao dizer-te não,
Encontrei somente saudade.

Autor: Jorge jacinto

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

POETRIX - Poeta Relapso


Poeta Relapso

De lado, jamais esquecido.
Mexido, nunca revirado.
Instigo sentimentos.

Autor: Jorge Jacinto

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

POETRIX - As Ondas do Mar



As Ondas do Mar

Indecisões, vem e vão.
Sem a mesma força,
Ainda destroem castelos.

Autor: Jorge Jacinto

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

POETRIX - Jardim de Flores




Jardim de Flores
 
Vejo o mundo, grande jardim.
Diversas flores, várias cores,
Todas de igual perfume.

Autor: Jorge Jacinto



segunda-feira, 20 de setembro de 2010

POETRIX - Retratos



Retratos

Saudade que aumenta,
Aos olhos se deita, lágrima,
Que conforta o coração.

Autor: Jorge Jacinto.

POETRIX - Racismo



Racismo

Nem branco, tão pouco negro
Talvez rubro, vermelho
De indignação e vergonha.

Autor: Jorge Jacinto

terça-feira, 14 de setembro de 2010

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

POETRIX - Palavras no Ar





Palavras no Ar

Poucas mais sinceras.
Sentir a Nova Era...
Poesia, Amor Incondicional.

Autor: Jorge Jacinto

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

POETRIX - Batalha Pessoal



Batalha Pessoal

Reluto com olhos vermelhos,
Reflexo translúcido de medos.
Descanso sem desistir.

Autor: Jorge Jacinto



POETRIX - Andar com Fé



Andar com Fé

Acredite com Fé!
A vida não dá ré.
Em frente se persiste.

Autor: Jorge Jacinto

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

terça-feira, 17 de agosto de 2010

POETRIX - Quase Sumisso






Quase Submisso

Quer me dominar
Domine!
Eu acho que deixo


Autor: Jorge Jacinto da Silva Junior




POETRIX - Pobre Pensar



Pobre Pensar

Pena... que pena!
Da pelega
Que fora perdida.


Autor: Jorge Jacinto da Silva Junior





POETRIX - Nostalgia





Nostalgia


Passou o tempo
Dormi de um jeito
Ignorei a Festa acabar.

Autor: Jorge Jacinto da Silva Junior



POETRIX - Globalização




Globalização

Grande és Esfera!
Sufoca-me o peito
Meio a Poluição

Autor: Jorge Jacinto da Silva Junior




POETRIX - Em Seus Olhos Menina




Em Seus Olhos Menina

Escondo medos
Habito todo segredo
Chama de ardente viver


Autor: Jorge Jacinto da Silva Junior